English|Português|Deutsch

BNP 48-27r

c. Março de 1914

Alberto Caeiro:

1. Eu nunca guardei rebanhos...
2. O meu olhar é nitido como um girassol...
3. Ao entardecer, debruçado pela janella...
4. Esta tarde a trovoada cahiu...
5. Ha metaphysica bastante em não pensar em nada...
6. Pensar em Deus é desobedecer a Deus...
7 a 33 (several).
34. Se ás vezes digo que as flores sorriem...
35. Se quizerem que eu tenha um mysticismo, tenho-o...
36. Li hoje duas paginas...
37. Nʹum dia excessivamente nitido...
38. As 4 canções que seguem...
39. Estas 4 canções escrevi-as estando doente.On his poetry.
40. Ás vezes, em dias de luz perfeita e exacta...
41. Só a natureza é divina, e ela não é divina...
42. As bolas de sabão que esta creança...
43. O que nós vemos das cousas são as cousas...
44.
45.

(perhaps there are more than these).

(Try to reach 50, or, at the very least, 45)


Alb[erto] C[aeiro]

1. O Guardador de Rebanhos. 1911-1912
2. Cinco Odes Futuristas. (1913)-1914
3. Chuva Obliqua (Poemas Inters[eccionistas]). 1914.

Lista manuscrita, publicada em Alberto Caeiro. Poesia (2001, 203-204). Nesta lista a referência a ʺO Guardador de Rebanhosʺ coincide só parcialmente com materiais publicados anos mais tarde em ʺDe O Guardador de Rebanhosʺ. Por outro lado, não é possível estabelecer se haveria alguma diferença entre este ʺChuva Obliquaʺ de Alberto Caeiro e o poema publicado por Pessoa, porque qualquer material preparatório desse poema é desconhecido. Contudo, a referência mais indireta aqui é às ʺCinco Odes Futuristasʺ, que potencialmente estarão na génese da ʺOde Triunfalʺ e da ʺOde Marítimaʺ, publicadas em Orpheu I e II.

  • Namen

    • Alberto Caeiro

    Titel

    • Ao entardecer, debruçado pela janella...
    • As 4 canções que seguem...
    • As bolas de sabão que esta creança...
    • Chuva Obliqua
    • Cinco Odes Futuristas
    • Esta tarde a trovoada cahiu...
    • Estas 4 canções escrevi-as estando doente
    • Eu nunca guardei rebanhos...
    • Ha metaphysica bastante em não pensar em nada...
    • Li hoje duas paginas...
    • Nʹum dia excessivamente nitido...
    • O Guardador de Rebanhos
    • O meu olhar é nitido como um girassol...
    • O que nós vemos das cousas são as cousas...
    • Pensar em Deus é desobedecer a Deus...
    • Poemas Interseccionistas
    • Se quizerem que eu tenha um mysticismo, tenho-o...
    • Se ás vezes digo que as flores sorriem...
    • Só a natureza é divina, e ela não é divina...
    • Ás vezes, em dias de luz perfeita e exacta...